USP oferece curso online e gratuito de Libras

A Universidade de São Paulo disponibiliza conteúdo teórico e prático na plataforma Stoa. Interessados também podem fazer download do material no site.

O processo de linguagem é essencial para o desenvolvimento do indivíduo. É através dele que as pessoas expressam – através de palavras – suas ideias, sentimentos e opiniões. Contudo, mais de 5% da população brasileira possui algum tipo de deficiência auditiva, que as impede de se comunicarem através da língua falada.


A falta dessa comunicação gera isolamento social e outros agravantes na vida do indivíduo impossibilitado se expressar oralmente. Essa falta de interação interfere negativamente nas áreas emocionais e intelectuais do ser humano.


Com o objetivo de promover a inclusão social de pessoas com deficiência auditiva o governo brasileiro instituiu em 2002 a Língua Brasileira de Sinais como uma das línguas oficiais do país. A Libras, como é popularmente conhecida, foi reconhecida pela Lei de nº 10.436 e regulada pelo Decreto nº 5.626/2005.


Segundo o decreto, “considera-se deficiência auditiva a perda bilateral, parcial ou total, de quarenta e um decibéis (dB) ou mais, aferida por audiograma nas frequências de 500Hz, 1.000Hz, 2.000Hz e 3.000Hz”.

Além de conceituar o deficiente auditivo, o Decreto nº 5.626/2005 também determina a inclusão da Libras como disciplina curricular obrigatória nos cursos de formação de professores para o exercício do magistério, em nível médio e superior, e nos cursos de Fonoaudiologia. Para todos os outros cursos de educação superior e profissional, a Libras passa a ser disciplina curricular optativa.


Por que aprender Libras é tão importante?


A Libras – Linguagem Brasileira de Sinais é aquela em que se utiliza gestos como meio de comunicação ao invés das palavras. Esses gestos envolvem expressões faciais, corporais e movimentos realizados com as mãos. Como pessoas com deficiência auditiva possuem a fala prejudicada, se comunicam com outras através de sinais.


Aprender Libras não é importante somente para se comunicar com algum familiar ou amigo surdo. Além de atuar na promoção da inclusão social e autonomia do deficiente auditivo, aprender a Linguagem Brasileira de Sinais também significa dar um “upgrade" no seu currículo profissional. Isso porque o país ainda é muito carente de profissionais preparados para receberem pessoas que sofrem de surdez. Conheça outras vantagens de aprender Libras:


1. Novos aprendizados


O primeiro motivo pelo qual você deve aprender Libras é aprender algo novo. Além de manter o cérebro ativo, você passa a se expressar melhor e ainda ganha coordenação motora e agilidade.


2. Oportunidades profissionais


Como dissemos anteriormente, o Brasil ainda é carente de profissionais preparados para receber deficientes auditivos em ambientes corporativos e educacionais. Assim, um professor que tenha domínio da linguagem de sinais poderá receber e tratar com igualdade um aluno surdo, por exemplo.


O mesmo acontece com profissionais, principalmente nos setores comerciais e de atendimento ao público. Assim, aprender Libras pode ser o passo inicial para uma carreira de sucesso, visto que esse profissional tem sido muito requisitado, tanto em empresas públicas quanto particulares.


3. Ser empático


Aprender Libras também é importante para que você possa se comunicar com algum deficiente auditivo no seu dia a dia. Assim, se você tiver um familiar ou amigo nessas condições, poderá interagir com ele de forma mais eficiente.


Além de ter a comunicação facilitada com essa parcela da população, aprender Libras também faz com que você seja capaz de entender o universo dos deficientes auditivos. Assim, poderá entender e participar ativamente das suas lutas sociais, principalmente as que dizem respeito à inclusão de surdos na sociedade.


Onde estudar Libras?


Para você, que está buscando aprender Libras, a boa notícia é que a USP (Universidade de São Paulo) está oferecendo curso de Libras online e gratuito para todas as pessoas. Para ter acesso ao curso não é necessário fazer inscrição, basta acessar a plataforma Stoa e aproveitar o conteúdo disponível. Contudo, o curso não oferece certificado.


Criado pelo grupo de Mídias Digitais da Pró-Reitoria de Graduação da Universidade de São Paulo e coordenado pelo professor Felipe Venâncio Barbosa, doutor do Departamento de Linguística da USP, o ambiente virtual conta com várias aulas divididas entre teóricas (vídeo aulas) e práticas (exercícios). Além disso, o interessado também poderá fazer o download dos materiais.


Segundo o Departamento de Linguística da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), “o curso à distância foi pensado como uma forma de a população ter contato com a linguagem de sinais, com conteúdos relacionados à surdez, à educação dos surdos e cultura surda, facilitando a comunicação caso a pessoa venha a trabalhar ou conviver com alguém da comunidade surda”.

Quer conhecer outros cursos da USP voltados à terceira idade? Então clique aqui.



E você, já teve contato com a Linguagem Brasileira de Sinais? Então conta para a gente qual é o grau de importância que ela tem para a sua vida e/ou para a vida de algum amigo ou familiar com quem você conviva! E se ainda não teve contato com a Libras, acessar a plataforma Stoa disponibilizada pela USP pode ser o pontapé inicial para a compreensão do universo dos deficientes auditivos e de suas necessidades.


Fonte: http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/usp-oferece-curso-online-e-gratuito-de-libras/


15 visualizações