Estacionamento para idosos em SP: passo a passo para solicitar o cartão

O cartão de estacionamento de idoso é um benefício que possibilita que a terceira idade tenha acesso ao seu direito de 5% das vagas de estacionamento em locais públicos e privados por toda a cidade.

Para estacionar nas vagas exclusivas para idosos, é necessário apresentar o cartão de estacionamento. Foto: Flickr
A reserva de 5% das vagas de estacionamentos para idosos já não é uma novidade para muitos. Mas o que alguns não sabem, é que para que essa vantagem seja garantida, é necessária a emissão do cartão de estacionamento.

Esse cartão serve não só para garantir a identificação do idoso aos responsáveis pela fiscalização das vias públicas, mas também para evitar que pessoas com menos de 60 anos façam o uso indevido das vagas.


Estacionar em locais próximos aos comércios e aos ambientes que a terceira idade quer ou precisa visitar pode ser muito mais simples com o cartão estacionamento.


Por isso, saiba todos os detalhes da solicitação do cartão estacionamento da melhor idade em São Paulo e não perca a chance de desfrutar desse direito que é assegurado pelo Estatuto do Idoso.


Cartão estacionamento do idoso em São Paulo: quem pode solicitar?


O pedido do cartão pode ser feito por aqueles vovôs que possuem idade igual ou superior a 60 anos.


Para usufruir das reservas exclusiva de vagas para a terceira idade em um dos maiores estados do Brasil, não é necessário a comprovação de renda.


Basta seguir o passo a passo que apresentaremos abaixo, pegar seu carro e estacionar na vaga que possui a identificação de reserva.


Passo a passo: como requisitar o cartão estacionamento


Emissão de cartão estacionamento para terceira idade: documentos necessários


Para fazer o requerimento do cartão de estacionamento para idosos é essencial, primeiramente, juntar estas documentações, tanto o original quanto a cópia, para conseguir realizar o cadastro:


  • Documento de identidade oficial com foto (CHN, Carteira de trabalho, RG, pode ser qualquer um que comprove a identidade do adulto mais 60);

  • Cadastro de pessoa física (CPF) (Só será emitido um cartão por CPF);

  • Comprovante de residência, que precisa ser no nome do idoso que está solicitando e constar um endereço da cidade de São Paulo. Caso não haja nenhum comprovante no nome do sênior, é permito usar uma conta no nome do (a) conjugue, mediante a apresentação da certidão de casamento.


Assim, as correspondências viáveis são: conta de luz, de água, de telefone e de gás. Além de contas de cartão de crédito, condomínio e IPTU (apenas o do mês anterior da solicitação).


Cadastro do idoso: navegando pelo site da SUAE


Após separar a documentação, nossos queridos seniores paulistas que querem emitir o primeiro cartão de estacionamento precisam acessar a página da SUAE (Sistema Unificado de Autorizações especiais) e realizar o cadastro pelo site.


Ao abrir a página, é necessário que o idoso clique em cadastro de pessoa física e informe o número de seu CPF.


A partir desse número, o mais velho poderá ter acesso ao site, utilizando do CPF como código de usuário e cadastrando uma senha.


Mas lembre-se, a senha deve ter entre 4 a 8 caracteres e é possível usar letras maiúsculas e minúsculas. Assim, ao cadastrar palavra passe da melhor idade, não esqueça de ver se a tecla Capslock está desligada.

Depois de cadastrar o número de CPF e a senha, automaticamente é gerado o requerimento. Esse documento precisa ser impresso e preenchido a mão.

A assinatura feita no papel de requerimento deve ser a mesma que está presente no RG do idoso.


Quando terminar de preencher o registro impresso, junte com a cópia dos documentos dos que já foram separados.


Emissão da carteira de estacionamento: entregando a papelada


Os documentos do idoso junto com o requerimento impresso podem ser entregues ao órgão responsável pela emissão de duas formas:


1) Via correio


Os dados para entrega dos documentos da terceira idade via correio são os seguintes: CEP: 05422/970, Caixa postal: 11400


2) Presencialmente, mediante agendamento


O adulto paulistano maior de 60 anos que desejar entregar os documentos em mãos, deve, antes, realizar o agendamento. Para agendar a visita, basta acessar o link agendamentodsv.prodam.sp.gov.br. e escolher a data mais próxima.


Quais locais que realizam atendimento em São Paulo?


  • Departamento de Operação do Sistema Viário – DSV: Rua Sumidouro, 740 – Pinheiros – São Paulo – SP (próximo à Estação Pinheiros da Linha 4 – Amarela do Metrô), de 2ª a 6ª feira das 9h às 16h, exceto feriados e dias de ponto facultativo;


  • Prefeitura Regional Aricanduva: Rua Atucuri, 699 – Vila Carrão, de 2ª a 6ª feira, das 9h às 16h, exceto feriados e dias de ponto facultativo;


  • Prefeitura Regional Santana/Tucuruvi: Av. Tucuruvi, 808 – Tucuruvi, de 2ª a 6ª feira, das 9h às 16h, exceto feriados e dias de ponto facultativo.


Para saber de mais unidades de atendimentos acesse o site da Prefeitura de São Paulo.



Renovação da carteira de estacionamento do idoso de SP


Se você, idoso, já possui a carteira de estacionamento, não se esqueça que ela precisa ser renovada de 5 em 5 anos.


A renovação é feita de uma forma muito simples! Basta juntar todos os documentos novamente e imprimir um novo requerimento no site da SUAE.


Esse processo pode ser feito também tanto via correio como presencialmente. Mas não vai esquecer de agendar, hein!


Outras informações importantes a respeito da carteira de estacionamento para idosos


Em caso de perda do documento, a terceira idade pode solicitar a segunda via da carteira de estacionamento clicando aqui e preenchendo um novo requerimento.


O requerimento deve ser entregue junto com as mesmas papeladas necessárias para emissão da primeira via.


A carteira de estacionamento, mesmo sendo emitida em São Paulo, é válida em todo o território nacional. É isso mesmo; você poderá estacionar em qualquer lugar do Brasil sem nenhum problema.



E aí vovôs paulistanos, gostaram do passo a passo sobre a carteira de estacionamento de idosos? Que tal compartilhar a informação em suas redes sociais e aproveitar para chamar os amigos e familiares para dar uma volta de carro pela cidade?

177 visualizações