Como você pode ajudar um familiar idoso ser mais ativo no dia a dia?

Serviços alternativos que promovem autonomia e melhoram a qualidade de vida na terceira idade, começam a aparecer no país.

Diante do progressivo envelhecimento da população, serviços alternativos que dão apoio ao idoso se espalham pelo país, proporcionando mais autonomia, socialização e qualidade de vida.


O Brasil está ficando cada vez mais grisalho e em uma velocidade que supera a média internacional. Enquanto a população com 60 anos ou mais deve duplicar no mundo até 2050, o país tende a ver o número de idosos quase triplicar nesse período. A estimativa é da Organização Mundial de Saúde (OMS), que classifica o envelhecimento populacional como uma das tendências mais significativas do século 21.


Mas viver mais não significa viver bem. Pesquisa divulgada neste ano pela Fundação Oswaldo Cruz, por exemplo, mostra que um em cada três idosos brasileiros tem alguma limitação funcional. Desse grupo, 80% contam com ajuda de familiares para realizar alguma atividade da rotina, como vestir-se ou fazer compras.


Em busca da autonomia e da funcionalidade

Serviços com o objetivo de garantir ou resgatar a autonomia dos idosos podem ajudar a evitar a depressão. Segundo a OMS, a enfermidade, em estágio que precisa de intervenção, é encontrada em 10% das pessoas acima dos 60 anos. Em idosos que moram em casas geriátricas, o índice salta para 40%.


Ocasionada por doenças, menor capacidade de visão e audição, dificuldade para locomoção e diminuição de memória, a perda da autonomia é um dos aspectos que contribuem para que os idosos tenham baixa autoestima. Isso é intensificado, ainda, se o idoso é desrespeitado ou excluído. Esses fatores podem levar à introspecção, ao isolamento e, até, à depressão.


O idoso não pode ser tratado como descartável, ele tem uma história e uma experiência que precisam ser respeitadas. A família precisa dar espaço, fazer com que ele continue ativo. Ele nunca pode se sentir excluído.

Todos nós queremos envelhecer com saúde, mas uma pessoa a partir dos 60 anos tem, em média, 7,2 doenças. Então, é muito difícil encontrar um idoso completamente saudável. A grande questão é envelhecer com autonomia e independência. É o sonho de todo mundo, envelhecer funcionalmente bem.


O humor é um fator determinante na qualidade de vida de cada ser humano. Na terceira idade, isso é reforçado, pois quando um idoso passa mais tempo acompanhado, ele se sente melhor, ri mais e suas defesas são fortalecidas. 

É  por isso que essa ideia de proporcionar autonomia à terceira idade nasce com base na troca de experiências que enriquecem nossa sociedade e os idosos. Os benefícios da convivência através de atividades sociais, culturais e físicas podem melhorar a qualidade de vida na terceira idade. 

Empresas como a LB Concierge de Idosos através do trabalho de acompanhamento em atividades do dia a dia, lazer, entretenimento e bem estar e saúde, tem como objetivo auxiliar no aumento da auto-estima para que o idoso possa se sentir mais útil, produtivo e independente.

Estando mais ativos, seus sistemas imunológicos são fortalecidos, os sentimentos de depressão ou solidão diminuem radicalmente e através de uma atividade recreativa fortalecem a sua memória. 


Os idosos tem uma vida para contar e muitas experiências para compartilhar, eles querem ser ouvidos, e muitas vezes não conseguimos dar a atenção necessária para eles, precisamos deixar eles ativos, a mente e o corpo saudáveis para não terem depressão, não entrarem na zona de conforto, uma boa solução é contratar serviços que façam isso no dia a dia, que possa ir no cinema, teatro, supermercado, banco, correio, passeios culturais, tudo aquilo que no nosso cotidiano não conseguimos encaixar e vamos deixando de lado, sendo que sim, é prioridade para os idosos, um tempo curto sem exercer a mente as doenças podem surgir muito rápidas.


Esses serviços são ótimos, porém ele não te ausenta de carinho, amor e dos laços familiares com esse idoso, você precisa estar presente sempre que possível. Essa experiência deixa o idoso ativo, enquanto os familiares também estão ativos em suas vidas. Olha que legal, imagina agora, o tanto de assunto que vocês não vão ter para conversar nos momentos de lazer. O idoso ativo tem assunto do presente e do futuro para conversar.


Serviços

Os idosos fazem parte de um grupo dos mais vulneráveis ​​da sociedade. Na maioria dos casos, suas necessidades mais básicas são atendidas, muitos são independentes, mas outras necessidades de interesse deles são desconsideradas, assim como seu estado de espírito vital para uma velhice saudável. O ritmo atual da vida que exige mais e mais do nosso tempo faz com que os nossos parentes idosos se sintam mais sozinhos do que nunca. ​


Acompanhamento no lazer

Parques  Cinemas Teatros Shows Museus Viagens


Acompanhamento em casa

Leitura Jogos Trabalhos manuais  Jardinagem Cozinhar  Conversar e compartilhar experiências


Acompanhamento em atividades do ​dia a dia

Supermercados Shoppings Salão de beleza ​Barbearias  ​Leva e traz 


Aulas de tecnologia

Smartphones Computadores Redes Sociais


Acompanhamento em atividades ​de saúde, física e bem estar

Academia Yoga ​Pilates Exames ​Sessões de fisioterapia Consultas médicas e terapêuticas


Empresa pesquisada de SP:

LB Concierge de Idosos

Fone/ Whatsapp: 11 99298-5227



67 visualizações