Como cuidar dos nossos idosos?

Atualizado: 15 de Mai de 2018

Qual a melhor opção? Como devo fazer? Como devo agir? São dúvidas de todos os filhos ou familiares quando surge o momento menos esperado, mas ele surge.

Nem sempre é uma tarefa fácil, os filhos ou familiar se dividem em cuidar do idoso ou acamado, mas como fazer isto sem também sacrificar tua vida, a sua saúde mental, o seu trabalho, seus filhos e companheiro?


Qual a melhor opção? Como devo fazer? Como devo agir? São dúvidas de todos os filhos ou familiares quando surge o momento menos esperado, mas ele surge. Nem sempre é uma tarefa fácil, os filhos ou familiar se dividem em cuidar do idoso ou acamado, mas como fazer isto sem também sacrificar tua vida, a sua saúde mental, o seu trabalho, seus filhos e companheiro?


E agora?

É difícil, principalmente quando se trata dos nossos queridos pais, aqueles que fizeram tudo por nós e agora é aquele momento que devemos retribuir, certo?

SIMMM, certo! Mas a melhor forma nem sempre é nos mutilando, nos prejudicando, pois, o mais importante neste momento é o AMOR, ele é o que nunca e jamais pode faltar, com ele qualquer situação fica mais leve e tranquila.


Existem casos e casos, o idoso quando já está em uma situação dependente e que realmente precisa de total cuidado e que não conseguem mais fazer as coisas sozinhas, algumas doenças infelizmente criam esta dependência, como por exemplo o alzheimer ou alguma demência, o idoso precisa de todo o cuidado possível, mas muitos idosos conseguem seguir com a vida quase que normal, precisando de cuidados mais leves, e eles não podem de maneira nenhuma se sentir inútil, a opinião deste indivíduo é muito importante, temos que pensar que ele teve uma vida inteira de independência e que agora é difícil pra ele alguém impondo regras simples, como tomar banho, limitar sua saída, obrigar as idas ao médico, tudo isto necessita ser tratado com muito amor, com diálogo e conversas carinhosas, de uma forma que ele se sinta amado e perceba que ainda está vivo e válido.


Às vezes ao cuidar se esquece do principal, o amor!

Muitos de nós não fomos preparados fisicamente e mentalmente para cuidar dos nossos idosos, é realmente muito difícil conseguir dar banho, fazer a higiene pessoal deles. O esforço físico de cuidar de um adulto é diferente de cuidar de uma criança, às vezes acabamos nos machucando ou pior ainda, machucando eles.


E quando acaba sobrecarregando mais um filho que outro?

Isto é normal em qualquer família, e aquele filho é o que sacrifica sua vida pessoal, mas ele ali naquele momento esquece do principal, de dar amor, de dar carinho, porque ele está tão preocupado em "cuidar" que o principal ele não consegue fazer. Isto aconteceu com minha mãe e minha tia, elas ficaram se revezando para cuidar da minha avó, até os netos perceber que realmente não dava mais, falamos várias vezes com elas, que elas precisavam colocar "cuidadoras" para fazer este serviço, pois elas não aguentavam com o peso da minha avó, perdiam a paciência por qualquer coisa com a minha avó, e não tinham mais vida. Ai que fui entender que na cabeça delas aquilo era uma obrigação, a tal "retribuição" e que se elas colocassem alguém ali para fazer o "papel" que seria delas elas se sentiriam culpadas, enfim, foi um período bem difícil, muitas brigas familiares até a contratação de duas cuidadoras.


Infelizmente minha vó veio a falecer alguns meses após a contratação das profissionais, mas o que eu quero passar, é que você não tem que se sentir culpado, a tal "retribuição" é sim cuidar do seu ente querido, mas é cuidar, zelar, dar amor, respeitar, dar o melhor e nem sempre o melhor é você cuidar fisicamente, muitas vezes isto pode ser com cuidadores dentro do próprio lar do idoso ou de um dos filhos, ou até mesmo numa casa de repouso, mas o mais importante é a tua presença lá, o teu carinho, a tua palavra, a tua paciência, o seu convívio diário com ele e você só vai saber oferecer isto se estiver bem com você mesmo, sem estar com um desgaste emocional e físico.

Lembre-se que seu amor, sua paciência, suas palavras e companhia é o que vai deixar ele mais forte e feliz neste momento, e NUNCA se esqueça de dizer EU TE AMO e o quanto aquela pessoa foi importante para você, o amanhã pode não acontecer e cada momento precisa ser especial!
31 visualizações